Cafés, Padarias, Pastelarias, Restaurantes

Como aumentar as vendas com a ajuda do menu do seu restaurante

A grande maioria dos menus de restaurantes (ementa como se diz em Portugal, ou cardápio no Brasil), estão mal feitos. Pela minha experiência, eu diria que pelo menos 90% estão mal feitos.

Um dos primeiros trabalhos que eu faço quando me contratam para melhorar um restaurante, é mudar o menu. E existem duas razões para eu começar pelo menu.

O menu do restaurante é a arma mais poderosa que você tem para influenciar os clientes.

Ele é o seu melhor vendedor, e de longe. Aliás, há muito tempo que os clientes deixaram de acreditar nos empregados de restaurantes. Mas continuam a acreditar no menu.

Mudar o menu não tem custos quase nenhuns.

Na realidade, a maioria das mudanças que eu faço, não custam dinheiro nenhum. E muitas vezes são pequenos segredos, fáceis de aplicar, mas que a maioria dos donos de restaurantes não conhece.

Mas os resultados são enormes. Aumentam as vendas. E fazem os clientes ficarem mais satisfeitos com a refeição. E clientes satisfeitos voltam novamente.

Neste artigo, eu vou explicar uma das muitas formas de aumentar as vendas com a ajuda do menu do seu restaurante. Essa forma é: não deixar o cliente escolher só pelo preço.

Não “deixe” o cliente escolher o preço mais baixo.

Muitos restaurantes cometem o erro de facilitar a escolha dos pratos e bebidas através dos preços. O que estes restaurantes fazem, é colocar os preços numa coluna, uns abaixo dos outros, tal como no exemplo seguinte:


Só que neste caso, para o cliente que se preocupa com o preço, é mais fácil ele ver qual o preço mais barato, e escolher esse item. No caso acima, seriam as duas sanduíches de 3,90€.

Quando olhamos para um menu como este, reparamos logo nos preços. É impossível não reparar nos preços. E a nossa escolha vai ser influenciada pelo preço.

Mas há muitos clientes que mesmo que o preço seja importante, podem escolher outro prato, se este for apelativo. São clientes, que se não estiverem tão atentos ao preço, até podem escolher outros produtos um pouco mais caros, mas que são do seu agrado.

Qual a técnica para conseguir?

Uma das técnicas para resolver este problema, é colocar os preços, não em coluna, mas logo a seguir à descrição. Desta forma, os preços ficam misturados com a descrição, e não é tão fácil para o cliente ver qual o mais barato.

Claro que haverá clientes que continuarão a escolher pelo preço, e não será esta técnica que evita que o façam.

Mas haverá muitos mais, em que esta técnica faça com que escolham os produtos que mais gostem, em vez do mais baratos.

E esta é uma vantagem para o restaurante, que assim vende mais. Mas também para o cliente, que assim, come e bebe produtos que mais gosta, em vez de produtos que não são tão do agrado, mas apenas mais baratos.

E clientes satisfeitos, tendem a voltar novamente, e a avaliar positivamente os restaurantes.

Por isso, devemos usar esta técnica quando não queremos que os clientes escolham pelo preço.

Aqui fica um exemplo de menu que usa esta técnica. Repare como os preços já não chamam tanto a atenção. O cliente repara em primeiro lugar no nome e descrição dos pratos.

Exemplo – Aumentar as vendas com a ajuda do menu

Eis uma pequena estória que prova que esta técnica é boa para o restaurante, mas também para o cliente.

Pedro encontrou o amigo Daniel na rua. Já não se viam há algum tempo. Pedro perguntou se Daniel já tinha almoçado, ao que Daniel respondeu: não, mas não tenho muito tempo, preciso de ir visitar um cliente daqui a uma hora.

Pedro sugeriu, vamos então àquele restaurante, e comemos uma sanduíche. É rápido e barato.

E lá foram almoçar.

Daniel costuma comprar comida no supermercado e levar para o trabalho. Assim poupa dinheiro. Vai casar dentro de alguns meses, e por isso quer poupar dinheiro.

Quando olhou para o menu, reparou que havia sanduíche de frango com maionese, a sua sanduíche favorita. Há algumas sandes um pouco mais baratas, mas a diferença é de apenas 2 euros para as sandes mais baratas.

Pediu a sanduíche de frango com maionese, e ficou satisfeito com a escolha. E com a boa companhia do amigo, acabou por ser melhor refeição do que comer a comida que iria comprar no supermercado.

 Livro “Os segredos dos menus que vendem”

Esta técnica faz parte do livro, “Os segredos dos menus que vendem”. Lá encontrará muitos mais segredos para aumentar as vendas com a ajuda do menu do seu restaurante.