Comércio Online

O que escrever na descrição do produto de uma loja virtual

O que escrever na descrição do produto de uma loja virtual

Descrição do Produto

Quando chega à hora de escrever a descrição do produto, ninguém sabe o que escrever. Começamos a olhar para o monitor, escrevemos algumas palavras, não gostamos, tornamos a apagar, e acabamos por escrever apenas caraterísticas técnicas.

Só que está errado.

As caraterísticas técnicas devem fazer da descrição do produto, só que não devem ser o ponto principal.

Então o que deve incluir a descrição do produto

Imagine que você está numa loja de roupa.

Viu, à distância, uma camisola que lhe agrada. Você aproxima-se da camisola.

É uma camisola verde, de manga comprida, com decote em V. A camisola parece de lã. Você olha para a etiqueta, e vê que afinal é de algodão.

Você parece indecisa. Uma vendedora da loja que vai a passar, apercebe-se da sua indecisão, e decide intervir.

“Olá. Essa camisola tem o tom de verde que se vai usar nesta estação”

Você responde: “Só que depois vai ser difícil de combinar com as calças”

“Esta camisola fica muito bem com jeans. Eu vou mostrar.”

Você acaba convencida e compra a camisola.

Quais foram os elementos que você precisou de conhecer para ser convencida?

  • A descrição física da camisola – Camisola verde, de manga comprida, com devote em V
  • A informação técnica – Camisola 100% algodão
  • Uma motivação da vendedora

Então é simples. Este são os três elementos que todas as descrições de produto devem ter. Mas não por esta ordem.

A descrição física do produto, também deve estar presente, mesmo que resumida.

Provavelmente está a pensar “mas eu vou ter a foto do produto”. É verdade, só que as pessoas têm medo de ser enganadas, e com razão. Umas vezes os vendedores enganam-se e trocam as fotos, outras vezes poem fotos que são um pouco diferentes do produto.

Por isso, não facilite, acabe com as dúvidas dos clientes e faça a descrição física do produto. O cliente vai ficar mais descansado.

A motivação da vendedora

E falta a motivação da vendedora. Com o seu site você tem a oportunidade de fazer de vendedora, sem estar a incomodar os clientes.

Pense nisto. Se um vendedor for ter com um cliente numa loja física, muitas pessoas não vão gostar. Vão sentir que estão a pressioná-las para comprar.

Se você usar, no seu site, a mesma mensagem que um vendedor utilizaria, você não está a incomodar o cliente, porque ele não vai ter que dizer sim ou não a uma pessoa.

Por isso, esta é a sua oportunidade de ser melhor que uma loja de rua. Não desperdice a oportunidade de tentar convencer os clientes a comprar.

Qual a ordem destes três elementos?

Em primeiro lugar deve estar a “mensagem do vendedor”.

As pessoas compram os produtos por motivos emocionais, mas gostam de racionalizar, por isso ponha primeiro a mensagem mais emocional.

Em segundo lugar deve estar a descrição física do produto. Basta uma breve descrição, focando os pontos mais básicos, e caso tenha alguma caraterística que não seja visível nas fotos, descreva essa caraterística.

Em último lugar deve estar a descrição técnica. Dependendo do tipo de produto, a descrição técnica pode ser mais ou menos importante. Numa loja de roupa, a descrição técnica não é muito importante, e normalmente é suficiente dizer qual a composição da roupa. Já numa loja de eletrodomésticos, a descrição técnica é muito importante, e deve ser o mais completa possível.

Qual deve ser a “mensagem do vendedor”?

Tal como é explicado na Loja Virtual Otimizada, existem duas possíveis mensagens:

  1. Chamar a atenção para um problema que o nosso produto resolve.
  2. Inspirar o cliente a comprar.

E você pode utilizar uma mensagem que seja de um destes tipos, ou mesmo uma mensagem destes dois tipos.

Repare neste dois exemplos:

Descrição A:

  • Berbequim sem fio Marca: Power T
  • Potência: 40 Nm
  • Velocidade: 1400 m/mn

e agora a Descrição B:

  • Com a potência deste berbequim você não vai ficar a meio de nenhum trabalho.
  • Berbequim sem fio Marca: Power T
  • Potência: 40 Nm
  • Velocidade: 1400 m/mn

No primeiro caso, a não ser que você seja um especialista em tecnologia, você fica sem saber muito sobre o produto, em contra partida, no segundo caso você é alertado para um problema que este produto resolve.

Vamos ver agora o caso de um vestido de senhora.

Você poderia fazer a descrição dizendo:

  • vestido comprido
  • verde
  • 100% algodão

Ou poderia dizer:

  • Com este vestido, você vai ser o centro de todas as atenções no próximo jantar com amigos. Se ouvir dizer “pareces mais nova”, não se admire.
  • vestido comprido
  • verde
  • 100% algodão

No segundo caso, a seu potencial cliente poderia imaginar estar a usar aquele vestido e estar a ser admirada. E isto é muito mais poderoso.

Os meus clientes que acrescentaram uma frase motivadora, e uma descrição física do produto, conseguiram aumentar a taxa de conversão para níveis que eles nunca imaginaram serem possíveis.

Experimente, não custa nada.

Aprenda também que nome dar a um produto.

Produto recomendado: