Comércio em Geral, Comércio Online

Se você não está a usar a emoção para vender, está a perder muito dinheiro.

Já alguma vez comprou um produto, e depois chegou à conclusão que não precisava dele?

Ou comprou um produto muito mais caro que outro, e que era muito semelhante?

Isso provavelmente aconteceu porque a loja usou a emoção para o convencer a comprar. E você também pode utilizar a emoção para vender na sua loja.

Quando os clientes estão a decidir comprar, eles analisam os produtos ou serviços. E para tomar a decisão, utilizam a lógica e a emoção.

Mas diversos estudos têm provado que o fator que mais influencia a compra é a emoção e não a lógica. Segundo esses estudos, as pessoas decidem usando a emoção, e depois arranjam argumentos lógicos para justificar a compra.

Um exemplo

Por que é que muitas pessoas compram Mercedes e BMW’s e não outras marcas?

A justificação que eles dão, se você perguntar, é que são carros mais fiáveis, têm melhor qualidade, e são mais seguros (motivos lógicos). Mas a realidade é que a maioria das pessoas compram esses carros pelo estatuto, para se sentirem com mais sucesso, e para serem a inveja dos vizinhos (motivos emocionais).

Na sua loja, você também pode utilizar as 6 emoções mais poderosas. Elas são:

  • Avareza
  • Medo
  • Altruísmo
  • Inveja
  • Orgulho
  • Vergonha

E como fazê-lo?

Incluindo nas suas mensagens:

  • no site
  • em posts de redes sociais
  • em cartazes
  • nas conversas entre os seus vendedores e os clientes
  • em publicidade.

Exemplo de uma loja de roupa

“Este é um casaco que só está acessível a algumas pessoas” (emoção inveja)

Exemplo de uma loja de óculos

“Por cada par de óculos que comprar, nós oferecemos um par de óculos a crianças desfavorecidas” (emoção altruísmo)

Você pode utilizar imagens para reforçar a emoção.

Exemplo de uma padaria

“Muitas padarias utilizam farinhas produzidas com ajuda de pesticidas artificiais. As nossas farinhas são todas de agricultura biológica” (emoção medo)

A faísca da compra

Tente sempre pôr um pouco de emoção nas suas mensagens, e nas suas fotos. Lembre-se que a emoção é a faísca que vai fazer o seu cliente decidir comprar.

E não pense que a emoção não pode ser utilizada em todos os casos. Mesmo nos casos em que o preço é o seu argumento maior, você pode juntar um pouco de emoção.

Vamos supor que você diminuiu o preço de um produto ou serviço, e está a fazer uma promoção. Você pode simplesmente dizer que o preço baixou para X euros.

Mas pode acrescentar um pouco de emoção (neste caso avareza), acrescentando: “você vai poupar X euros”. Ou ainda melhor: “Você vai poupar X euros, e utilizar esse dinheiro para fazer aquela viagem que sempre sonhou”.

Comece a aplicar a emoção nas suas mensagens, e nos seus contactos com os clientes. A mudança é enorme. E como a maioria dos seus concorrentes não sabe utilizar a emoção para vender, você vai ter uma enorme vantagem.