Comércio em Geral

Transformar uma loja em dificuldades, numa loja de sucesso.

Como transformar uma loja em dificuldades, numa loja de sucesso

Como saber que tem uma loja em dificuldades?

Em primeiro lugar temos de saber se as dificuldades são conjunturais (passageiras), ou se são estruturais (definitivas).

A regra é simples, se a sua loja está a diminuir as vendas há mais de 3 meses seguidos, então muito provavelmente não é uma situação temporária, e por isso você tem que fazer alguma coisa para que a loja deixe de estar em dificuldades.

Mas mesmo que as vendas estejam a aumentar, a loja pode estar em dificuldades, porque as vendas não chegam para pagar os custos da empresa. E isso acontece quando abrimos uma loja.

Neste caso o que precisa de saber é se algum dia as vendas vão ser superiores aos custos, e quanto tempo é que isso vai demorar.

Veja qual foi o aumento médio (em percentagem) das vendas nos últimos meses. Agora vamos imaginar que você consegue manter esse crescimento nos próximos meses. Quantos meses é que precisa para atingir o equilíbrio económico (vendas=custos)? Se precisar de menos de 12 meses para atingir o equilíbrio, então está tudo bem. Basta você manter tudo como está e aguentar mais 12 meses. Se precisar de mais de 12 meses, então precisa de fazer alguma coisa.

Conselho: peça ao seu contabilista para lhe fazer estas contas.

Estes são os passos, para não ter uma loja em dificuldades.

1 – Determinar se o negócio é viável.

Nem sempre é possível recuperar um negócio. Se o negócio não for viável, ou você muda de negócio, ou fecha a empresa.

2 – Cortar em todas as despesas não essenciais.

A empresa deve entrar em modo de sobrevivência.

Uma loja em dificuldades não pode ter nenhuma despesa que não seja essencial para o funcionamento do dia a dia. Veja todas as despesas e pense nas que pode cortar de modo a que a empresa continue a funcionar, mesmo que um pouco pior.

3 – Descobrir porque não há vendas suficientes.

E só há três razões possíveis:

  1. passam poucos clientes junto à loja;
  2. passam clientes junto à loja, mas não entram;
  3. há clientes a passar junto à loja, eles entram, mas não compram (ou compram pouco).

4 – Descobrir como resolver o problema.

Descobrir como resolver o problema que você encontrou no ponto anterior.

A melhor maneira é encontrar alguém que já tenha resolvido esse problema, em condições muito semelhantes à sua.

Por isso, tente descobrir alguma loja perto de si, que tenha conseguido resolver esse problema. Não precisa de ser uma loja do mesmo ramo que o seu. Aliás nem deve ser uma loja igual à sua.

Por exemplo, se você tem um restaurante italiano, procure outros tipos de restaurantes, ou confeitarias, ou bares que tenham resolvido o problema.

Podem ter feito publicidade, podem ter mudado a decoração, podem ter mudado os preços, ou feito outra coisa qualquer.

Da mesma maneira, se a sua loja for uma loja de roupa infantil, procure lojas de roupa feminina, ou masculina, ou até uma loja de bijuterias, que tenha resolvido o problema.

Há sempre alguém que já conseguiu resolver o problema em condições semelhantes. E se ainda ninguém conseguiu resolver, então talvez o problema não tenha solução, e não seja possível rentabilizar a loja. Mas estes casos são raros.

5 . Implementar as medidas.

Depois de descobrir quem o tenha feito, então tente adaptar essas medidas ao seu caso.

Um último conselho

Quase sempre a solução está lá fora. Não tente encontrar a solução dentro de casa.

Os seus empregados são essenciais para ajudar a recuperar uma empresa, mas não vão ser eles a dar a solução.

E também não adianta muito perguntar aos seus clientes porque é que eles não compram, ou porque é que compram. Muitas vezes nem eles sabem porque o fazem, e por isso dão respostas erradas.

E se o seu problema é falta de clientes a entrar na loja, então você deve é tentar perceber os não-clientes (aqueles que não compram na sua loja).