Comércio Online, Loja Bijuterias, Lojas de Roupa, T-shirts

10 Motivos para vender no Etsy

Imagem do post como vender no Etsy
30 Milhões de utilizadores fazem do Etsy um dos maiores site de compra e venda de produtos não massificados

Para aqueles que não conhecem, o Etsy é uma plataforma online que tem como objetivo ligar aquelas pessoas que produzem artigos (normalmente artesanais ou vintage) e os consumidores desses artigos.

Recentemente o Etsy alterou a sua política e agora já permite que pequenas empresas que produzam os seus próprios produtos os possam vender.

O Etsy é como se fosse um centro comercial (shopping), mas do mundo digital. No Etsy, você cria uma loja, e depois vai acrescentado produtos a essa loja.

Eis como funciona a compra de uma cliente.

Quando um cliente estiver interessado no seu produto, ele faz a compra. O pagamento é feito ao Etsy (você não tem que se preocupar com pagamentos).

De seguida, o Etsy envia-lhe um email com a indicação do produto e contacto do cliente.

Você prepara a encomenda e envia para o cliente (pode utilizar os correios).

Se o cliente utilizar o Paypal como forma de pagamento, você recebe logo o dinheiro na sua conta de Paypal.

Para outras formas de pagamento, pode demorar alguns dias. Mas é rápido.

Venda no Etsy!

Por isso eu aconselho vivamente, a todos os que produzam artigos- tais como roupa, bijuteria, mobiliário e artigos de decoração, entre outros – a vender no Etsy.

Seja um produtor particular, uma pequena fábrica ou oficina, ou ainda lojas que vendam artigos originais e não massificados.

Eu próprio, já abri uma loja no Etsy para provar que é possível ganhar dinheiro a vender para todo o mundo, a partir de casa.

Ao princípio não foi fácil. Mas ao fim de 3 meses, já tinha vendas suficientes para provar que era possível ganhar dinheiro.

Com os erros que cometi no início, e com o que aprendi, é que consegui ensinar outras pessoas a vender no Etsy, e ter sucesso. E por ter sucesso, eu quero dizer — ganhar dinheiro.

Mas antes, gostaria de lhe dar 10 motivos para vender no Etsy:

1 — Facilidade em criar uma loja, adicionar artigos e começar a vender.

Todo o processo é muito simples, o site também está disponível em português. Em 20 minutos já está pronto a vender.

2 — Custos muito reduzidos.

Por cada produto publicado paga-se $0.20 USD, e é válido por 4 meses, ou até o produto ser vendido. Para além disso temos que pagar 3.50% sobre o valor de cada venda. Se tiver 100 produtos para vender paga $20 e tem esses produtos à venda durante 4 meses, o que dá $5 por mês (menos de 4 euros ou 16 reais) — nada mau.

3 — Facilidade em receber os pagamentos dos clientes.

Para quem tiver uma conta do Paypal (que é gratuito), o recebimento é imediato. Para Portugal é possível receber sem ter uma conta do paypal, basta indicar a sua conta bancária. Para outros países, consulte as regras do Etsy, no site deles.

4 — Muita informação

O Etsy dispõe de uma potente ferramenta de estatísticas, com informações sobre o número de pessoas que viram os seus produtos, bem como aqueles que os adicionaram aos favoritos. Para além disso, pode ligar a sua loja ao Google Analytics e assim ter ainda muito mais informação, tal como de que países são os seus visitantes.

5 — O Etsy está muito ligado ao Pinterest.

O Pinterest é uma rede social que tem como principal característica a troca de imagens entre os utilizadores.E muitas das imagens que encontramos no Pinterest são de artigos do Etsy. É muito fácil partilhar as imagens, basta um clique e o seu produto já está no Pinterest, acessível a milhões de pessoas.

Depois essas pessoas só têm que clicar na sua imagem para entrarem diretamente na sua página onde efetuam a compra.

6 — O Etsy está muito bem colocado nos resultados dos motores de busca.

Isto significa que se alguém pesquisar no google: “carteira cor de rosa com corações vermelhos”-  e a sua loja tiver esta carteira — é muito provável que esta seja uma das primeiras imagens que essa pessoa vá ver.

7 — O Etsy tem utilizadores em todo o mundo

Sendo a maioria em países como os EUA, Canadá, Austrália e Europa Ocidental, ou seja, países com um poder aquisitivo muito mais elevado que o nosso.

8 — Tem uma comunidade de apoio muito grande, através de blogues.

A comunidade de utilizadores em lingua portuguesa é muito ativa, e vai encontrar muita informação. Se tiver alguma dúvida pode colocar a questão à comunidade. Haverá sempre quem queira ajudar.

9 — O primeiro passo para a internacionalização

O Etsy é uma forma de ganhar algum dinheiro para quem quer ter um negócio a tempo parcial, mas é também uma forma muito fácil e barata para as empresas que se queiram internacionalizar possam testar os mercados internacionais, para depois poderem avançar para outras plataformas, ou site próprio.

10 — O Etsy tem cerca de 30 milhões de utilizadores.

E em 2016 foram efetuadas através do Etsy vendas no valor total de 2,840 milhões de dólares.

Mas nem tudo é fácil no mundo do Etsy

Apesar destes números impressionantes, a verdade é que nem toda as pessoas conseguem ter sucesso no Etsy (ou em qualquer tipo de loja virtual).

E no entanto, a diferença entre lojas de sucesso e lojas sem sucesso, está em aprender certos conceitos básicos de marketing.

Vamos então ver as dicas para que você possa ter sucesso a vender no Etsy.

Escolha os produtos certos

Tudo começa por ter produtos que as pessoas queiram comprar.

No final de contas, a única opinião importante é a opinião dos clientes. Por isso, devemos em primeiro lugar fazer um pequeno teste e ver se as pessoas estão a comprar os produtos que queremos vender.

E uma das vantagens do Etsy, é que você pode ver o que cada loja vendeu.

Sendo assim, você tem que entrar no Etsy, e começar a ver produtos, ver as lojas que vendem esses produtos, e ver as vendas dessas lojas.

Eis como você deve fazer:

  • Se você já tem uma ideia do que vai vender no Etsy, comece a pesquisar os produtos que vende, tal como se fosse um cliente. Depois, entre na página das lojas que vendem esses produtos, e veja se a loja tem muitas vendas desses produtos, e se muitas pessoas colocaram nos favoritos.
  • Se você ainda não decidiu o que vender, vai precisar de gastar mais tempo a descobrir. Comece a ver as sugestões de venda e veja se são produtos que você conseguiria produzir (ou comprar), e se têm muitas vendas.
Não cometa este erro

Muitas pessoas acham que o que é bom, é vender produtos que ainda não existam no Etsy. Mas isso não é boa ideia.

O mais provável é que não haja ninguém à procura deles no Etsy. Com tantos vendedores no Etsy, quase de certeza que alguém já tentou vender no Etsy. Mas depois desistiu porque não vendeu. É por isso que você não os vê.

O ideal é você vender tipo de produtos que já estejam a ter sucesso. Isso significa que estão a ter muita procura. E se têm muitas procura, mesmo que haja muita oferta, você conseguirá vender, desde que tenha produtos interessantes.

A estratégia com mais hipóteses de sucesso para vender no Etsy, não é ter tipos de produtos que mais ninguém tenha, mas sim ter produtos diferentes.

Lembre-se que os gostos dos clientes não são todos iguais (felizmente para si), e por isso o mais provável é que haja alguém que goste dos seus produtos.

Aprenda tudo sobre os produtos

Escolha o produto que escolher, você deve-se tornar especialista nesses tipos de produtos. Aprenda o que os outros fazem. Veja os sites que vendem esses produtos (sem ser o Etsy), e veja como é que eles apresentam os produtos (fotos) e como descrevem os produtos.

Se o produto que você escolher for roupa, e se quiser saber como tirar fotos de roupa, leia este artigo que eu escrevi:

Conselhos para tirar fotos de roupa

Os clientes têm que sentir que nós sabemos do que estamos a falar quando mostramos um produto. Se você tiver confiança no produto que está a vender, o cliente também vai sentir essa confiança. E se gostar do produto, e do preço, ele acabará por comprar.

imagem de um lenço para vender no Etsy
Fotos apelativas, fazem com que a probabilidade de venda aumente imenso.
Mas ter produtos que as pessoas queiram comprar, não chega.

Existem milhares de lojas no Etsy. A maioria delas tem menos de 100 visitas por mês. E, acredite em mim, menos de 100 visitas não dá muitas hipóteses de vendas.

Por isso, a sua loja tem que ser descoberta.

E isso consegue-se, seguindo determinadas regras simples, mas que nem todas as pessoas conhecem.

E você tem duas maneiras para fazer com que os clientes descubram a sua loja:

  1. Através da pesquisa
  2. Promoção da loja ou produtos
A pesquisa

A maioria dos clientes descobrem os produtos através da pesquisa.

Escrevem uma palavra (ou várias) no espaço para a pesquisa, e depois aparecem os resultados das pesquisas.

Normalmente são centenas ou milhares de resultados.

O que você quer é que o seu produto apareça nos primeiros resultados dessa procura. A maioria dos clientes só vê as primeiras páginas da procura. Se os seus produtos não aparecerem nas primeiras páginas, a probabilidade de os clientes verem os produtos é quase nula.

Por isso, você tem que criar bons nomes de produtos, e boas descrições. Se o nome dos produtos, ou da descrição forem iguais ou parecidos ao que o cliente pesquisou, os seus produtos vão aparecer na primeira página.

A promoção

Para aumentar as hipóteses de conseguir vender no Etsy, você deve promover os seus produtos ou loja do Etsy.

A maneira mais eficaz de promover os seus produtos, é através das redes sociais.

E a mais indicada para vender produtos no Etsy, é o Pinterest.

Mas também pode (e deve) utilizar o Facebook e o Instagram.

Pode ainda fazer publicidade, como por exemplo: Google Adwords e Facebook Ads.

Faça o cliente confiar em si

Por último, o cliente tem que olhar para a sua loja do Etsy, e sentir que acredita no que você está a dizer, e acreditar que vai receber o que está a ver.

Esta é a última fase para conseguir boas vendas no Etsy.

Preencha todos os dados sobre o seu negócio. Coloque uma foto sua, para que o cliente sinta que está a fazer negócio com uma pessoa verdadeira, e não com uma empresa “sem rosto”. Os clientes do Etsy, gostam mais de comprar produtos a pessoas ou empresas pequenas, do que a empresas grandes.

Informe bem o cliente dos prazos de entrega.

E se vender produtos com tamanhos, explique bem a escala, e ofereça a possibilidade de trocar os produtos caso o tamanho não esteja correto.

Tenha a atitude certa

Ao longo da minha vida profissional, já vi muitos lojistas terem sucesso, mas também já vi muitos falharem. A diferença principal entre eles — a capacidade de querer aprender a melhorar.

Se você abrir uma loja e vender no Etsy com um espírito amador, vai ser difícil conseguir muitas vendas.

Mesmo que você abra uma loja e não queira que este seja o seu trabalho principal. E mesmo que o seu objetivo seja apenas de ganhar algum dinheiro extra, a atitude é fundamental.

Aprenda ao máximo o que puder antes de começar a vender no Etsy. E continue a aprender, mesmo depois de abrir a loja.

Aprenda ainda mais sobre estes temas

Neste artigo, já dei bastantes dicas sobre os temas mais importantes. E há alguns temas que você deve procurar aprender melhor, nomeadamente:

  • Como criar uma marca, para que os clientes “levem a sério” o seu negócio, e comprem.
  • Como ter os produtos certos, com o preço adequado.
  • Conseguir fazer boas compras.
  • Saber escolher os clientes certos para o seu tipo de produto e marca.
  • Como melhorar os produtos para que fiquem mais apelativos.
  • Como usar a emoção para convencer os clientes a comprar.
  • Como promover o negócio. Já vimos onde pode promover, mas também é preciso aprender como promover.
  • Ir mais além do Etsy. O Etsy é importante, mas você deve ter também outros locais onde vender, de forma a multiplicar os seus lucros.

Se decidir vender no Etsy produtos de moda (roupa, sapatos, acessórios, bijutarias), pode aprender ainda mais com o livro que eu escrevi:

“Como criar um negócio de moda a partir de casa” 

Nesse livro eu explico os passos a dar num negócio de moda (incluindo um capítulo exclusivo sobre o Etsy).

Em todo o caso, dê uma vista de olhos no Etsy. E tente encontrar casos de sucesso (existem muitos). Aprenda com eles.

Quer aprender mais sobre este tema?

Temos vários manuais e cursos para que possa aprender ainda mais sobre este e outros temas de negócios de lojas. Dê um salto enorme no seu negócio.

Gostou deste artigo?

Estamos sempre a lançar novos artigos para ajudar quem tem, ou quer ter uma loja. Pode inscrever-se na nossa newsletter (e ainda por cima é gratuita), e assim receberá os novos artigos no seu email, e outras informações.

E ainda recebe um livro grátis.