Lojas de Roupa

Onde podem os designers estampar e vender t-shirts

Vender t-shirts com designs é uma boa forma de um designer ganhar dinheiro e notoriedade.

No mundo digital é muito fácil copiar imagens sem que o criador da imagem ganhe dinheiro. Milhares de imagens de design são partilhadas por dia, sem que os autores vejam reconhecida a sua autoria, e obviamente sem ganhar dinheiro nenhum.

É por isso que estampar t-shirts com os nossos designs e vendê-las é uma boa opção.

Mas como é que se parte de um desenho em computador para a venda de t-shirts?

Primeiro temos que encontrar alguém que forneça e imprima os desenhos nas t-shirts. É isso que vamos ver.

As opções para ter t-shirts estampadas

Vou dar 4 opções para que se vá desde o desenho até à venda ao cliente.

Opção 1: Estampagem em casa

Esta é a opção mais difícil e demorada. E temos que comprar as t-shirts lisas para estampar.

Existem várias técnicas de estampagem que podem ser feitas a partir de casa:

  • Serigrafia. Esta técnica não é simples de aprender e exige que se compre algum equipamento. Para além disso, é uma técnica que é pouco limpa. É preciso mexer com tintas e produtos químicos. Mas como vantagem é técnica que produz estampagens com maior qualidade. A maioria das t-shirts que se encontram nas lojas, são feitas através desta técnica. Dica: pesquise no youtube por “screen print” para ver vídeos com esta técnica.
  • Transfer de vinil. Para estampar uma t-shirt com vinil, é preciso uma máquina, chamada de plotter de corte, que corta o desenho em vinil. Depois retiramos o excesso de vinil, e com a ajuda de uma máquina que se chama prensa, passamos o desenho para a t-shirt. É um processo que também tem muitas limitações, e o resultado final é uma estampagem um pouco “plastificada”. Dica: No youtube, pesquise por “t-shirt vinyl heat transfer”, para ver como funciona o processo.
  • Impressora de t-shirts. As impressoras de t-shirts foram inventadas há pouco tempo. Mas basicamente é uma máquina em que se coloca a t-shirt e a máquina imprime o desenho a partir do computador, quase como se fosse uma impressora de papel. O problema é que as impressoras de t-shirts são muito caras (a partir de 12000€). Dica: Se quiser ver no youtube, pesquise por “DTG t-shirt printer”

Agora vamos ver opções mais interessantes para quem quer vender t-shirts sem grandes investimentos (ou nenhum) e sem complicações.

Opção 2: Estampar em lojas ou fábricas de estampagem.

Existem várias empresas que estampam t-shirts com o desenho que nós quisermos. Algumas são pequenas lojas e estão mais vocacionadas para pequenas quantidades. Por exemplo, para oferecer uma prenda num aniversário ou um pequeno evento.

Mas há algumas que estão mais vocacionadas para quantidades médias e grandes. São empresas que estão habituadas a estampar t-shirts para festivais de música, t-shirts para promover marcas, e também para designers que querem vender as suas próprias t-shirts.

Estas empresas, têm preços muito mais baixos do que as pequenas lojas, mas normalmente exigem um mínimo de estampagem (entre 20 a 50 t-shirts) por cada desenho.

Como estas empresas também vendem as t-shirts lisas (e podemos escolher de vários modelos), não precisamos de andar à procura de fornecedores de t-shirts. Basta escolher o modelo das t-shirts, enviar o desenho, escolher a técnica de estampagem, e passados alguns dias recebemos as t-shirts.

Depois, só temos que vender as t-shirts. Mas há sites onde é fácil vender e com custos muito baixos. Por exemplo: Etsy, e Ebay, ou mesmo o Facebook que permite criar uma loja grátis.

Dica: Se pesquisar na net por “t-shirts personalizadas” (no Brasil “camisetas personalizadas), encontrará estas empresas. Tenha em atenção que algumas estão vocacionadas para quantidades muito pequenas, e por isso o preço não são adequadas para quem vai revender as t-shirts.

Opção 3: Empresas que compram o desenho

Há algumas lojas de t-shirts que têm um método de trabalho que é muito interessante para designers.

São lojas que compram o direito de utilizar um desenho. O designer vende o desenho, recebe um valor fixo, e depois as lojas vendem as t-shirts aos seus clientes.

A vantagem é que se recebe um valor fixo, sem termos que nos preocupar com a venda das t-shirts.

A mais conhecida, e que foi quem começou este sistema, é a Threadless. Pode consultar aqui como funciona o processo, e candidatar-se com um desenho.

Opção 4: Empresas que estampam, vendem e enviam

Por último, existe a solução completa. E que são as empresas que estampam as t-shirts com o desenho que queremos, emitem a fatura para o cliente, e enviam a t-shirt diretamente para o cliente. Ou seja, você vende t-shirts sem nunca as t-shirts passarem pelas suas mãos, e sem ter que investir dinheiro nenhum. E sem quantidades mínimas, porque eles produzem as t-shirts à medida que receberem encomendas.

Algumas até têm sites onde expõem as t-shirts. Ou seja, qualquer pessoa no mundo pode encontrar uma t-shirt com o seu desenho.

Evidentemente que existem algumas desvantagens. Como se costuma dizer: não há almoços grátis.

As margens para o designer são baixas, e a concorrência nesses sites, é grande.

As mais conhecidas são: Zazzle, e Spreadshirt

Conclusão

As soluções são várias, porque o mercado das t-shirts é um mercado muito grande, e por isso existem muitas empresas a apoiar na estampagem, venda e entrega.

De uma forma geral, quanto mais trabalho tivermos, maiores serão as margens. E quanto menos trabalho tivermos, menores serão margens.

Portanto a escolha do designer depende do esforço que quer despender, e dinheiro no investimento inicial.